porque o melhor da vida passa a correr
comentar
publicado por CityJogger, em 04.03.10 às 10:36link do post | favorito

Costumamos falar no CityJog sobre alguns mitos em torno da corrida em geral. Um dos que abordámos já, foi relativo à saúde dos joelhos estar ou não relacionada directamente com a actividade de correr. 


Eu penso que não está, e isso foi já fundamentado por diversos estudos. 


Para reforçar o que eu tinha dito, encontrei um artigo intitulado sugestivamente: "Debunking jogging myths". Quase parece que copiaram os meus títulos ;-)

 

Mas fora de brincadeiras, o artigo é muito interessante e diz mesmos que, de entre vários desportos, correr é daqueles que menos danos causa aos joelhos. E observa-se mesmo consequências positivas, ao nível do reforço das cartilagens! Ou seja, óptimas notícias para quem corre.

 

Há outro curioso pormenor: esquiadores, jogadores de futebol e de outros desportos de contacto ou onde os joelhos fazem curvas repentinas, sofrem mais tarde de grande incidência de osteoartrites. O mesmo não acontece com quem corre!

 

Mas lembrem-se de fazer sempre o aquecimento e o relaxamento muscular depois da corrida, para prevenir lesões. E é importante ver que tipo de passada põe menos em perigo os joelhos - eu aconselho usar a passada forefoot (cair com a parte posterior do pé) ou midfoot (cair com a parte média/posterior do pé).

 

Recomendo vivamente a leitura do artigo (basta clicar no nome do artigo em cima).




pesquisar