porque o melhor da vida passa a correr
comentar
publicado por CityJogger, em 28.10.10 às 21:35link do post | favorito

 

No passado dia 24 completei a minha segunda Corrida do Tejo. Corri pela primeira vez em 2008, faltei em 2009 por causa de uma lesão e agora voltei em 2010.

 

Devo dizer que é sempre uma emoção especial competir. Sou muito solitário nos meus hábitos de corrida e, diga-se de passagem, insisto bastante em correr sozinho porque isso faz parte do meu ritual de treino. Uma corrida com 10.000 pessoas é uma mudança radical, física e emocional. Por muito que eu me quisesse conter - e levar as coisas nas calmas, isso torna-se impossível. Nestas grandes corridas há sempre a tendência, pelo menos para mim, de fazer ultrapassagens e sobretudo de fixar determinadas pessoas na corrida que se quer acompanhar e/ou ultrapassar.

 

Talvez seja só eu que sou competitivo :)

 

Seja como for, o balanço deste ano foi bastante positivo. Fiz um tempo muito bom para mim, à volta dos 53 minutos, com uma média bastante rápida por Km, comparando com o que costumo fazer nos meus treinos. A partida correu bem, com os habituais 2, 3 minutos de andamento até arrancar, mas depois correu tudo bem. A primeira subida foi bastante sofrida e o calor apertou bastante (estou mais habituado a correr à tarde do que de manhã e acho que isso tem a sua influência), mas as garrafinhas de águas souberam muito bem despejadas pela cabeça abaixo.

 

Vi muitas pessoas "mais velhas" a correr e devo dizer que isso me deixou extremamente contente. Algumas passaram por mim como se eu estivesse parado e isso ainda me deixou mais contente. Afinal há esperança de melhorar os tempos com a idade :D Fora de brincadeira, é muito positivo ver pessoas que apostam na saúde e que estão em tão boa forma nos seus 60 e muitos anos. Simplesmente fantástico!

 

A multidão de canarinhos (parece que foi a alcunha para esta ano, devido às camisas berrantes!) lá foi avançando, com algumas desistências pelo caminho - ouvi comentar que mais do que o habitual, será que foi pelo calor excessivo do dia? - e houve momentos de boa disposição até ao final. Pela minha parte tudo correr espectacularmente bem, porque não me lesionei e fiz um bom tempo pessoal, sem qualquer lesão.

 

Para o ano lá estarei novamente. Tive pena que a organização não desse os videos da chegada (como em 2008), mas a corrida pareceu-me novamente bem organizada e eficiente. É o que se pede a uma organização. Deu ainda para ver o Obikwelu entregar os prémios das senhoras (que fizeram 33 minutos aos 10Km!!!), com a Rosa Mota em pano de fundo. Um dia em cheio, que me deixou bem disposto para toda a semana. Afinal é para isto mesmo que a corrida serve - para melhorar a nossa saúde e a nossa condição mental.

 

E a vossa Corrida do Tejo como "correu"? :) Deixem os vossos comentários!


Miguel a 28 de Outubro de 2010 às 22:47
Fiz a minha primeira CTejo este ano e... gostei! Tinha estado os 10 dias anteriores lesionado e a corrida custou-me bastante, senti-me muito lento e pesado. Entretanto acabei por agravar uma lesão antiga! Enfim, não foi uma primeira experiência para repetir! Mas gostei do ambiente e da organização!

CityJogger a 31 de Outubro de 2010 às 12:20
Olá Miguel. Pena em relação à lesão. A mim foi em 2008 :(

Para o ano de certeza que será melhor! Abraço!



pesquisar